E se a Terra fosse plana?

Facebook Whatsapp Twitter Linkedin Email

Mesmo com muitas provas de que a Terra é redonda, algumas pessoas insistem na teoria do terraplanismo. Mas será que seria possível vivermos em uma Terra plana?

Para muitos, essa pergunta é ridícula, e sua resposta, muito óbvia. Ou talvez não? A teoria de que a Terra é plana ganhou muitos adeptos nos últimos anos, com a primeira conferência de “terraplanistas” realizada no fim do ano passado nos Estados Unidos. E, apesar de haver muitas provas (gráficas e físicas) de que o nosso planeta é redondo, o debate ressurge com frequência. Com o objetivo de acabar com as dúvidas, o geofísico James Davis, da Universidade de Columbia, de Nova York, membro do Observatório Terrestre Lamont-Doherty, idealizou um cenário de como seria a Terra se ela fosse plana, tendo como base pressupostos dos terraplanistas:

1. A gravidade

Para os que acreditam que a Terra tem a forma de um disco, partem do pressuposto de que a gravidade exerceria sua força diretamente para baixo, mas não é assim que funciona esse fenômeno. Davis ainda esclarece que, segundo o que sabemos sobre a força gravitacional, ela puxa tudo para o centro.

Então, se a gravidade fosse para baixo, mais a gravidade puxaria as coisas horizontalmente. Porém, isso teria efeitos estranhos, como sugar toda a água do mundo para o centro do disco, e fazer com que árvores e outras plantas crescessem diagonalmente, já que elas se desenvolvem na direção oposta à da gravidade. Além disso, caminhar também seria uma tarefa complicada, com uma força que nos empurraria rumo ao centro quando tentássemos chegar à borda do disco. Seria como subir uma encosta muito inclinada.

Próximo